Testemunhos de clientes

Jérome Laily

Bâches Laily

Jérôme Laily, Diretor

Poderia descrever a sua atividade?

Fazemos a confeção e a instalação de tecidos têxteis técnicos para a indústria. Os nossos clientes são muitas vezes grandes grupos nos domínios da indústria, da energia, dos automóveis, dos transportes… Estamos lidando com uma aplicação bem específica que poderia ser descrita como nicho; O que faz que são os clientes que vêm até nós. O nosso ofício original era de fazer lonas de caminhão. E depois, quando a concorrência tornou-se cada vez mais dura, especializamos nos na área dos têxteis técnicos.

Tem não entanto atividades de promoção?

Fazemos poucas feiras, Focalizamos a maioria dos nossos esforços no referenciamento, nomeadamente através do EUROPAGES. Internet é uma montra muito mais fácil de usar que uma feira. E porque somos uma estrutura pequena. Se enviarmos alguém para uma feira, rapidamente ficaria perdido! Enquanto um site se ele forre bem referenciado consegue alcançar potenciais clientes qualificados.

Tem na sua mira também clientes estrangeiros ou então só francês?

Fizemos o nosso primeiro negócio com o Marrocos este ano. Estamos registados no EUROPAGES há dois anos e esperamos que isso nos traga muitos outros contactos provenientes de outros continentes! Já temos alguns clientes na Suíça e Bélgica. Ainda não falamos outro idioma que não seja o francês na nossa equipe e é muito claro, que isso nos faz falta, para poder realmente desenvolver-nos para exportar. É por isso que neste momento entre 5% a 10% do nosso volume de negócios representa a parte feita na exportação. Deveríamos chegar aos 15% este ano. Estamos, portanto, em pleno progresso neste plano.

Pensa que a sua progressão possa ser travada pela crise?

Não, é completamente impossível para a simples razão que trabalhamos com muitos sectores como o da petroquímica, da energia e dos automóveis, que nunca sofrem os mesmos males ao mesmo tempo. Neste momento por exemplo o sector médico continua a investir e a dar-nos trabalho. E, temos também finalmente alguns clientes finais, que são particulares. É muito residual e é limitado a uma área regional. Às vezes fazemos capas para piscina e proteção solar para clientes particulares.

Gostaria graças as traduções do EUROPAGES, abrir de forma muito alargada o seu espectro para a exportação?

Não conseguimos de momento exportar para qualquer lugar no mundo. Primeiro devemos melhorar o nosso inglês. E por outro lado, é importante avançar de passos contados de modo a não a ser ultrapassado pelos volumes de produção, mas também o pessoal em produção e em infraestrutura. E o problema do meu conhecimento é que não é académico. Então se eu devo agregar funcionários as minhas equipes, tenho que os formar eu próprio, sabendo bem o que isso representa em termos de tempo dispensado. É com a prática que se aprende e se a solicitação vier muito rapidamente, não conseguiremos responder.

E*Page : Bâches Laily

Voltar para a lista

E a SUA empresa, está referenciada no site EUROPAGES?

Adicione a sua empresa